quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Ilha da fantasia


Abri meus olhos de alma ensopada
Salpicados pelo cheiro da maresia…
Na fina areia molhada o mar me acordava
Num manto de espuma branca, me dizendo… bom dia!

Um suspiro de força me fez erguer
O sol acalentou-me num forte abraço…
As aves coloridas vieram-me receber
A ilha me seduziu entrar em seu regaço

Á sombra do paraíso coberto de palmeiras
Os frutos frescos me sustentavam…
Na brisa da noite dançava com fogueiras
O vento e o mar em sintonia cantavam

Dos coqueiros saciava a minha secura
Entre terra quente e águas mornas cristalinas…
No oceano me banhava em plena loucura
Nadando com criaturas marinhas

Na cascata a bela sereia me visitava
A lua brilhava para que assim fosse…
Pró céu viajava quando me beijava
Nunca o sabor dos beijos fora tão doce

Na pequena ilha sonhando, adormecia
Desejando um dia mais ninguém ver…
Naufraguei em plena ilha da fantasia
E por ali permaneceria… Até morrer…
.
-Manzas-

19 comentários:

  1. Palavras que nos chegam como encantamento. Impossível não sentir cada uma das letrinhas.

    Beijinhosssssssssss

    ResponderEliminar
  2. BOM DIA!
    Disse-lhe a natureza através da beleza do mar e dos teus olhos.
    Digo-te:
    Bom Dia!Moisés.
    Porque o teu poema é a manifestação do amor através de ti, por tuas mãos.
    Deus, nosso Deus, está em todas as coisas.
    Nos gestos mais simples, na natureza, no mar, na poesia e nos homens.
    E, de novo os olhos, precisarão estar atentos para enxergar, além do óbvio.

    Bom Dia! Manzas.
    Novamente te agradeço esta paz que levo comigo.
    Não és náufrago, Poeta Manzas, és Porto e Cais.

    Abraço fraterno.

    ResponderEliminar
  3. Olá

    Muito interessante seu blog.Já adicionei como seguidora.

    Tenho um blog que trata de literatura e a discussões sobre o escrever. Se quiser visitar:
    http://cartasaoavesso.blogspot.com

    Saudações
    Beatriz

    ResponderEliminar
  4. No mar imenso dos seus sonhos
    Que se façam reais seus desejos
    Na ilha onde tens porto seguro
    Naufrago jamais será... Te asseguro!


    Um dia vou recolher todos os seus
    comentários-versos e deles farei poesia.

    Um abraço carinhoso

    ResponderEliminar
  5. *
    espraiei maresias,
    através das tuas palavras,
    *
    VOLTEI . . .
    ,
    alentado me sinto
    com a tua visita,
    ,
    navego,
    no mar do contentamento,
    espumando sophia,
    entre o sal de pessoa
    e a fenda de redol . . .
    ,
    vagas de gratidão, deixo-te,
    ,
    *

    ResponderEliminar
  6. Que bela ilha tu foste encontrar. É melhor não dizeres a ninguém , senão deixa de ser um paraíso , guarda só para ti e para quem mais amas.
    Até amanhã :)

    ResponderEliminar
  7. Parabéns pelo teu blog e a forma como escreves. Obrigado pela visita. Durante anos guardei para mim tudo o que escrevia, imaginando não haver alguém com quem dividir e partilhar ... obrigado por seres um dos que mostraram que eu estava errada.

    ResponderEliminar
  8. Eu também queria estar em uma ilha assim.


    beijo no coração

    ResponderEliminar
  9. O amor nos leva a lugares divinos...smempre!!
    Abraços diretamente do meu Cotidiano.

    ResponderEliminar
  10. Gostei desta ilha e do blog, voltarei...

    ResponderEliminar
  11. As tuas palavra em poesia encantam.

    Não sabes
    iara dos rios
    da terra
    que o teu canto
    me encanta,
    borbulhas
    sublime.
    és mutável
    mas desliza
    nas águas
    e mostras
    a tua dança!
    (tossan)

    Abraços

    ResponderEliminar
  12. Existem momentos de fantasia que valem por muitos anos de vida
    bj

    ResponderEliminar
  13. Quando alguem falar de ilhas, de mar...sempre irei me encantar! O mar exerce um fascínio sem igual e será sempre inspiração para poetas.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  14. Bom dia hoje deixo um comentário diferente, um carinho para si.
    Saudades...

    Fernando Pessoa
    "Um dia a maioria de nós irá se separar. Sentiremos saudades de todas as conversas jogadas fora, as descobertas que fizemos, dos sonhos que tivemos, dos tantos risos e momentos que compartilhamos.

    Saudades até dos momentos de lágrima, da angústia, das vésperas de finais de semana, de finais de ano, enfim... do companheirismo vivido.

    Sempre pensei que as amizades continuassem para sempre. Hoje não tenho mais tanta certeza disso. Em breve cada um vai pra seu lado, seja pelo destino, ou por algum desentendimento, segue a sua vida, talvez continuemos a nos encontrar quem sabe...

    Podemos nos telefonar, conversar algumas bobagens... Aí os dias vão passar, meses... anos... até este contato tornar-se cada vez mais raro.

    Vamos nos perder no tempo... Um dia nossos filhos verão aquelas fotografias e perguntarão?
    Quem são aquelas pessoas? Diremos... Que eram nossos amigos. E... isso vai doer tanto! Foram meus amigos, foi com eles que vivi os melhores anos de minha vida!

    A saudade vai apertar bem dentro do peito. Vai dar uma vontade de ligar, ouvir aquelas vozes novamente... Quando o nosso grupo estiver incompleto.. . nos reuniremos para um ultimo adeus de um amigo. E entre lágrima nos abraçaremos.

    Faremos promessas de nos encontrar mais vezes daquele dia em diante. Por fim, cada um vai para o seu lado para continuar a viver a sua vidinha isolada do passado.

    E nos perderemos no tempo... Por isso, fica aqui um pedido deste humilde amigo: não deixes que a vida passe em branco, e que pequenas adversidades seja a causa de grandes tempestades. ..

    Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos!"


    Beijo
    ConceiçãoB

    ResponderEliminar
  15. Mas que ilha essa!!!
    Sublime...

    Beijo

    ResponderEliminar
  16. Na pequena ilha sonhando, adormecia
    Desejando um dia mais ninguém ver…
    Naufraguei em plena ilha da fantasia
    E por ali permaneceria… Até morrer

    Lindo!
    Jinhos mil

    ResponderEliminar
  17. "Abri meus olhos de alma ensopada"

    Gostei do poema todo, mas gostei muito dessa frase.

    ResponderEliminar
  18. Belíssimo Site...

    Amar a vida e suas expressões é diginificar a criação.Somos feitos de Amor. Do divino amor de sermos feitos. De particulas de sua devoção.
    E na gratidão desse sentir que me embala o coração. Deixo aqui um pouco das minhas emoções. Obrigado, por partilhar de tanta beleza e suavidade.

    Beijos, fique com Deus.

    maristellabilmayer@gmail.com

    ResponderEliminar

Um pensamento, uma reflexão,
um comentário …
Caloroso abraço de sua opinião
com sorriso de entusiasmo
de eterna Gratidão…