sábado, 3 de janeiro de 2009

Reencarnação


Foi em tempos… há muito tempo
Um tempo longínquo que já não sei…
Recordadas no momento de um pensamento
Pergaminhos da memória que furtei

Dimanei num berço dourado
Príncipe de Reis abastados do amor
Enrodilhado de pura seda, assim fui cuidado
Castas doutrinas sem sabor da dor

Cavaleiro de espada em punho
Arrebatei conquistas em duras batalhas
Procurei o norte, mas sem rumo
Atravessando cercas e muralhas

Em gritos de júbilo fui coroado Rei
Em temporais de decisões sedentas…
Pelos prados de trigo cavalguei
Aprisionado em minhas tormentas

Mendigo me tornei de outros horizontes
Profetizado por mandamentos antigos
Saciei minha sede em desertas fontes
Desenterrando da terra inimigos

Mensageiro de uma escravatura
E amante do fruto proibido…
Me deleitei em searas de amargura
E no exílio de meu pensar fui banido

Naveguei em oceanos como pirata
Capitão
dos saqueados sonhos dourados…
Amante e conquistador de prata
Nas camas de damas dos peitos desnudados

Fui um velho pescador de redes rasgadas
O taberneiro dos cálices vazios…
Filho das águas acorrentadas
Pai dos sentimentos frios

Hoje sou um oleiro reencarnado
De mãos sujas do barro que moldei
Sem asas de santo, mas amado
Por outras vidas que congreguei

Senhor errante do mundo actual
Confiante no que diz o coração
Poeta da vida sem manual…
Tentando reencarnar noutra reencarnação
.
.
.
-Manzas-

71 comentários:

  1. Entre a face
    e o espelho
    quantos abismos
    de eternidade.
    Quantos tributos
    ao ritmo
    e à violência do azul
    adormecidos na pérola.
    Arco e flecha
    luz
    sopro
    brotando do silêncio
    primordial
    a vida é um destino
    branco
    singularidade caprichosa
    na superfície diáfana
    da aurora.

    http://arukutipa.weblog.com.pt

    Um lindo final de semana para ti...

    ResponderEliminar
  2. adoreeei a frase do seu cabeçalho :o)

    beijos e obrigada pela visita, querido, volte sempre que quiser

    MM.

    >>> feliz ano novo

    ResponderEliminar
  3. Depois de uns dias de ausência, (desta vez foi o PC que foi para o hospital) estou de regresso.
    Agradeço-lhe e retribuo os votos de bom 2009.
    Um abraço e bom fim-de-semana


    Gostei do poema, cavaleiro errante. Gosto de poesia. Vou voltar.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  4. Olá, Manzas.

    Veja bem, caminhantes, navegantes, todos somos e seremos. Importante é caminhar, seguir, ir, ao encontro da luz ou das luzes de um porvir. Se tudo ou todos estes que descreve, teu poema, és tu, a condensação plasmada, já é bela em demasia.
    Vê, de príncipe à Rei. Pescador, pirata, mendigo... A memória ou amnésia destas eras, é bafejo da misericórdia de um Deus, que nos poupa lembranças..
    Mas em sonhos, essas vidas acessamos e lembramos... E tudo parece ter sentido - por vezes com culpa, em outras, vergonha, noutros há medo, revolta, vingança.
    Mas tu, não.
    Despertas do sono do espírito, como poeta, marido e pai.
    E, cuidas com amor, de tudo quanto és capaz.
    Olha, Manzas, eu me atreveria a dizer, que a misericórdia do 'Divino', te aplaude e congratula pelo Ser Humano que és.

    E eu, também, dou-te parabéns pelo post tão belo, pois condensa em poucos versos, das muitas vidas, a redenção.

    Maravilha!
    Carinho, sempre.

    Foi muito bom ter encontrado este 'cantinho'

    Paz!

    ResponderEliminar
  5. O tempo passado...O tempo presente...O tempo futuro, tudo em um tempo só, assim seremos nós.
    izil

    ResponderEliminar
  6. Que lindo texto Moisés!

    Suas palavras foram muito marcantes... adorei!

    Abraços, floes e estrelas...

    ResponderEliminar
  7. Oi...
    Pelo que li e percebi você acredita na reencarnação, na sucessão de vidas, enfim... Estou certa?
    Acho fantastico ver essa diversidade em você, um bateirista de uma banda de rock e uma alma poeta que expressa tamanhas riquezas do sentir.
    Ser eclético para mim é algo fundamental em um ser humano.
    Uma semana maravilhosa para você.
    E que as boas inspirações sempre cheguem até você encontrando guarita em seu coração.

    ResponderEliminar
  8. Olá, Manzas, voltei para te dar um abraço porque percebí que és, o mais novo 'seguidor' do 'Inspirar'...
    Mas não deixarei de registrar que o destaque que fizeste, da inúmeras vidas vividas, no 'carreiro' evolutivo de um espírito, milenar, foi muito bom.
    Porque é didático, como a vida nesta 'terra' que é, na verdade, apenas um dia, em meio ao muito da caminhada do sem-fim...
    Saber-te 'príncipe, cavaleiro, Rei, mendigo, mensageiro, amante, capitão, pirata, conquistador, pescador, taberneiro, oleiro, Santo, filho e Pai, Senhor e POETA... e, ler todo este caminhar que, entre idas e vindas, faz-nos mais belos, ao som de música tão suave e bela, é quase um convite a permanecer aqui, lendo e relendo o que é, a saga da imortalidade...
    Muito lindo, muito, imenso...

    Como tu.

    Grata por aderires ao meu blog, também eu, não te perderei de vista.

    carinho , sempre a ti e aos teus mais queridos.

    ResponderEliminar
  9. Por acasoo es a reencarnação de algum poeta já consagrado??

    Amei seu cantinho,vim por Vieira Calado e me deparei com um começo de ano maravilhoso!!

    Descreveste a reencarnção em verso!!

    Bjs feliz 2009 com manutenção desta inspiração dos bons espiritos

    P.S. sou espirita e acho que sua descrição foi....divina??

    ResponderEliminar
  10. Belíssimo !
    Homem/poeta de mil ofícios !

    Beijinhos verdinhos

    ResponderEliminar
  11. Gostei muito do teu poema.

    Boa semana.

    ResponderEliminar
  12. ...olá cavalheiro de muitas batalhas!
    que gloria é poder-se ser, sem amarras,
    e com a certeza que 'na casa de meu pai,
    há muitas moradas'...e você com certeza,
    foi agraciado por muitas delas, onde
    depois da 'estadia' saia-se um pouco
    melhor...não porque ostentavas títulos,
    mas sim por crescer em espírito aprendiz,
    como todos seremos eternamente....hoje és um poeta com a missão de encantar...e encantas...bjus, menino.

    ResponderEliminar
  13. São os vianjantes do universo que trazem essas experiencias e se espalham pelo mundo.
    Reencarnam depois com o espirito elevado querendo saber ou ensinar ainda mais.

    beijos

    ResponderEliminar
  14. "...Poeta da Vida..." viajante incansável das palavras .... magnífico poema....

    Beijinhos das nuvens

    ResponderEliminar
  15. Lindo texto com palavras bem marcantes.

    Obrigado pela sua visita.

    Bom domingo.

    beijooo.

    ResponderEliminar
  16. Brilhante e Sensível Amigo:
    Um poema admirável. Repleto de beleza imensa.
    As palavras parecem fabulosas de magia pura.
    "...Hoje sou um oleiro reencarnado
    De mãos sujas do barro que moldei
    Sem asas de santo, mas amado
    Por outras vidas que congreguei..."

    Admirável.
    Deve ser um Ser Hamano fantástico.
    Adorei!

    Abraço forte de amizade, respeito e estima.

    pena

    OBRIGADO pela visita e pelas palavras simpáticas lá expressas.

    ResponderEliminar
  17. tb eu gosto muito de poesia. voltarei com mais tempo.
    cumprimentos

    ResponderEliminar
  18. e acabou em poeta...acheo bem!

    um poema muito bem trabalhado.

    parabéns!

    beij

    ResponderEliminar
  19. adorei este poema,somos feitos do tempo intemporal, nascidos e viajando em planos diferentespor vezes voltando ao plano tyridimensional
    beijos

    ResponderEliminar
  20. Lindo
    e a imagem... divinal

    Beijo
    Camila
    Boa semana

    ResponderEliminar
  21. A reencarnação é o alívio da vida, enxerga novas possibilidades.Todo o amanhecer é uma reencarnação, um renascer.Que seja possível nos permitirmos mais em 2009.Belo poema, cheio de imagens!

    ResponderEliminar
  22. Poderá algum dia alguém passar ser ler a alma desta poesia?
    Jamais o sabor dos versos será o mesmo por tanta sensibilidade neles incutida!
    Um beijo grande! Adorei o poema, como sempre!

    ResponderEliminar
  23. Pois é meu amigo! A Doutrina de Allan Kardec que é o espiritismo nos mostra, nos diz que rteeencarnamos para a melhoria do espírito.

    Se em reencarnação passadas fomos algozes, agora viemos fazer o resgate montado nos pilares que o Mestre Jesus nos ensinou: Bondade, Caridade e Perdão!

    Se fraqueja o obssesor toma conta, melhor ficar em estado permanente de oração...

    Muitos dos encarnados hoje e sofredores por suas próprias escolhas foram em reencarnações passados pessoas ruins. E na caminhada de encarnados ~por vezes não suportam o peso do farto escolhido por eles mesmos.

    É isso que sua poesia diz tão bem!

    abraços,
    O Sibarita

    ResponderEliminar
  24. De facto fiquei "apaixonada" pelas suas palavras! Um abraço enorme da sté. vou adicioná-lo !

    ResponderEliminar
  25. Encantei-me com estas palavras...simplesmente lindo! Um beijinho***

    ResponderEliminar
  26. Olá! Eu acredito na reencarnação! Acredito que temos várias vidas, e cada uma delas dá-nos a hipótese de evoluirmos espiritualmente...

    Poema Lindo! :-)

    ResponderEliminar
  27. Teus textos são de uma profundidade tocante... Gosto mto de os ler;)
    Beijinho*.*(vou reler!)

    ResponderEliminar
  28. Vim agradecer a sua presença no meu blog...E aproveitei para conhecer seus textos...Só tenho a dizer q me encantei com a sua maneira de escrever!...Agora sempre passarei aki para viajar nesses lindos Pensamentos!

    Bjos e obrigada pelo seu comentário!

    =**

    ResponderEliminar
  29. Adorei, até porque sou fascinada pelo tema :)
    Mas acho que só o meu irmão seria capaz de fazer um comentário ' à altura' do teu post :)*

    ResponderEliminar
  30. Oi Manzas...vc já estava linkado no meu blog, mas ainda não havia entrado para seguir seus rastros....rs
    Tenho visitado pouco meus amigos, pq estou viajando e sem muita oportuinidade para entrar na net, mas ... queria desejar à vc um 2009 lindo, com todo amor e paz que couberem em seu coração.
    Pelo visto, vc começou o ano com uma poesia forte e linda....!
    Assim que voltar de viagem, sigo seu rastro.
    beijo................Cris Animal

    ResponderEliminar
  31. Lindo teu cantinho, amei.
    Que você tenha um 2009 de paz e luz.

    meu carinho...

    Glória

    ResponderEliminar
  32. Muito bom.
    Gostei muito do seu blog.


    =]

    ResponderEliminar
  33. Está lindo, tão lindo que me atrevo a perguntar; foste tu que escreveste? Minha nossa... É assim mesmo, temos de voltar para resgatar as faltas, as vaidades, os erros e tudo o que em demasia e de mau fizemos..por coisas boas não vinhamos aqui parar...
    Um abraço de quem também está presentemente a descontar para muitas coisas mal feitas...laura..

    ResponderEliminar
  34. "Reencarnação é uma questão de justiça." Estamos no início do caminho. Muito ainda há para ser descoberto. A sua poesia é um dos...
    Não quero saber o que fui. Me interessa agora o futuro, embora, é claro, sejamos o resultado da " Lei de Causa e Efeito."
    O que nos falta hoje, usurpamos e/ou abusamos em outras vidas.
    Somos todos grandes devedores.
    Beijão e ótima semana !

    ResponderEliminar
  35. Muito obrigada pela visita, que tu tenha uma ótima semana.

    Abraços.

    ResponderEliminar
  36. Oleiro ou General, escravo ou rei, o que importa é levar desta vida o melhor que ela tiver para nos oferecer.

    Um abraço!

    ResponderEliminar
  37. Lindo poema! Teu blog é encantador!
    Fez-me lembrar o que faço: Terapeuta de Vidas Passadas!!!
    Boa semana, beijinhos violeta!
    Tenho novo post!

    ResponderEliminar
  38. Olá Moisés.
    Seu poema é simplesmente lindo. Adorei teu blog, de verdade. Parabéns por ele.

    Beijo na alma,
    Paz profunda.

    ResponderEliminar
  39. Obrigado pela tua calorosa visita. Vai aparecendo.
    Fantástico este poema; fiquei sem palavras.
    Obrigado por partilhares um pouco dele comigo.

    Bom Ano
    Bjt

    ResponderEliminar
  40. Quando vejo meus passos já percorridos, vejo quantas já fui! E ao voltar meu olhar para o horizonte, sei que outras tantas serei.
    Ao fim da jornada poderei não ter vivido a minha própria vida, mas estarei certa de ter vivido as vidas de poeta!
    beijos e borboleteios

    ResponderEliminar
  41. Viajei por tuas encarnações. Em todas vi a alma em busca. Lindo poema! Beijos e boa semana.

    ResponderEliminar
  42. Belo poema com imagens bastantes sugestivas. Agradeço e retribuo a visita.

    cordialmente
    António Delgado

    ResponderEliminar
  43. Olá, boa noite!

    Não tenho dúvida alguma: é POETA mesmo!

    ResponderEliminar
  44. Retribuindo a visita e aproveitando para desejar-te um 2009 maravilhoso, repleto de realizaçoes!!!

    bjs e esteja bem!!!

    ResponderEliminar
  45. Só passando para te desejar uma bela semana.
    Abraços

    ResponderEliminar
  46. Genial Amigo:

    Um comentário majestoso de magia que deixou no Memórias Vidas e Reais. OBRIGADO sensibilizado.
    Deixo-o com um extrato de um texto meu com que lhe agradeço a passagem sensível e majestosa de talento e agradabilidade no Memórias Vivas e Reais e pelas suas fabulosas palavras lá expressas.

    Porque não haveremos de transmitir atitudes agradáveis na empatia com as pessoas, sem pensar na retribuição? Não se preocupem! Verão que é imediata. Mais imediata que um computador preciso, rápido e infalível a pesquisar informação.
    É como a visão bela de um crepúsculo ofuscando-nos de deslumbre e encanto, inesquecíveis para sempre da memória pelo imenso bem-estar provocado.
    Ou como o choro de um recém-nascido que dá início à sua vida sem o saber, desconhecendo o seu eu, a sua presença, por ser pura e majestosa no seu olhar com que brilha e saúda a vida, no seu modo peculiar assustado que se compreende. Intensamente! Surgiu sem equívocos! Foi feito de felicidade. Foi feito de indiscutível felicidade!

    E, o seu choro, faz chorar!
    Chorar de felicidade!

    Abraço forte de amizade, de enorme respeito, estima e consideração.

    Bem-Haja amigo!

    Cordialmente agradecido...

    pena

    ResponderEliminar
  47. - Em todos, todos um pouco de cada e por cada, uma chance se renova, nova!!! oportunidade parece ser para renacer a cada dia reencarnar velhos sentimentos novas descobertas, sentimentos reencarnando em sí mesmo modificando-se á cada novo evento até que um dia a passagem talvez nos permita de outras formas se permitir muito diferente...
    - O foco, a idéia, a oportunidade vale a pena pensar falar e colocar e da forma que o faz fica mesmo sublime, parabéns e sucesso!

    Grande abraço!

    ResponderEliminar
  48. Divino poeta que se desnuda em suas letras ...
    Adorei o poema!
    Feliz 2009!

    Beijinhosssssssssss

    ResponderEliminar
  49. O comentário que fiz embaixo na verdade a intenção era pra este. Me enganei. Abraço

    ResponderEliminar
  50. lindo, muito lindo o teu poema e as mensagens que traduzes, é verdade, se não mudarmos nada hoje, os amanhãs serão sempre iguais...
    obrigada pela tua visita lá no meu cantinho, volta sempre!
    bom ano para ti
    beijinhos

    ResponderEliminar
  51. percorreste então tempos e ventos, de variável postura :)

    gostei

    semana feliz

    ResponderEliminar
  52. Belo este percurso, como muitos outros aliás, mas,
    algo ficou por pagar, e então tentemos fazê-lo
    com a certeza que algo estamos a melhorar :)))


    Abraço com amizade

    ResponderEliminar
  53. Excelente Manzas...adorei andar pelo teu blog. Obrigada por estes momentos.
    Jinhos

    ResponderEliminar
  54. Belo poema... com palavras fortes, marcantes.
    Boa semana pra ti,
    bjo carinhoso,
    Branca.

    ResponderEliminar
  55. Feliz ano novo pra vc!! bj

    "Te desejo uma fé enorme,
    em qualquer coisa,
    não importa o quê,
    como aquela fé que a gente teve um dia,
    me deseja também uma coisa bem bonita,
    uma coisa qualquer maravilhosa,
    que me faça acreditar em tudo de novo,
    que nos faça acreditar em tudo outra vez."

    Caio Fernando Abreu

    ResponderEliminar
  56. Belos textos... belo blog! Parabéns, Feliz Ano Novo!

    ResponderEliminar
  57. olá meu amigo Manzas!
    Você retratou a reencarnação em versos.
    Excelente e lindo...
    Caminhando, ou navegantes, todos somos,mas o mais importante é seguir ao encontro de nossas almas, passadas ou presentes.
    Dessa luz, aqual nos encaminha para um novo renascer.
    Um belo Post, pois falas de vida, rencarnações e de um novo renascimento.
    Obrigado por sua visita ao meu cantinho.
    Muita paz, luz e forças em seus cminhos.
    Que o ano de 2009, possa lhe trazer grandes realizações.
    Beijos de muita luz.

    Regina Coeli.

    ResponderEliminar
  58. Que força de palavras!
    Beijos prometidos

    ResponderEliminar
  59. É bom ler esta poesia!!

    E nem é necessário tentar-se : a reencarnação só finda quando estamos prontos a enfrentar os deuses.

    Bom 2009!

    ResponderEliminar
  60. Talvez o tempo seja apenas uma invenção nossa já que somos eternos.

    Beijo

    ResponderEliminar
  61. Bonito e grandioso, Manzas! Linguagem primorosa. Quase cheguei a acreditar na reencarnação.
    Um abraço e um um bom ano novo!

    ResponderEliminar
  62. Que bom era que a vida fosse assim tão longa e nos propusesse a tanta emoção.
    Passeando por blogs vim para aqui ao seu , espero a sua visita se assim o entender.
    Bom 2009 para si e para quem mais ama.

    xana

    ResponderEliminar
  63. Viajando pelo blog do meu amigo O Profeta, cheguei até o seu e adorei, lindas imagens e belos poemas em perfeita harmonia.
    Voltarei mas vezes.

    Feliz 2009, cheios de belas realizações.

    Bjs em seu coração.

    ResponderEliminar
  64. Obrigada!
    O sentir é realmente complicado!
    Mas o tempo tudo cura!

    ResponderEliminar
  65. se eu fosse capaz de acreditar na reencarnação batia palmas

    assim fico.me ,atenta mente ,pela leitura


    .
    um beijo

    ResponderEliminar

Um pensamento, uma reflexão,
um comentário …
Caloroso abraço de sua opinião
com sorriso de entusiasmo
de eterna Gratidão…