sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Saudades de quem nunca vi


Lá fora chove o calado momento
Que repassa na alma, ansiedades…
Saltam inquietas chamas de dentro
Do meu peito, alagadas saudades

Com frios dedos por não te tocar
Incendeio a razão que me ilumina…
O trovão estoira silenciando o sonhar
De sentir tua boca colada na minha

A noite suspira num suave vento
E rouba às flores o perfume de ti…
Sobrevoa oceanos banhados de alento
Que chegam como um jardim… até mim

Os rios se unem em abraços
Com luz de sol em raios de beleza …
Sublimes rosas desfolhadas em estilhaços
Resvalam nos muros da destreza

No beiral da janela do meu cogitar
Morro na saudade que criei…
Respiro o ar que me traz o teu olhar
Como um retrato que imaginei

Na angústia apertada do sossego
Tentas fugir, mas não escapas de mim…
Salta de dentro do meu aconchego
Saudades de quem nunca vi
.
-Manzas-

111 comentários:

  1. Saudades de momentos nunca vividos,
    saudades do sentir não sentido
    saudades de tudo o que não viveu

    tá muito lindo Manzas, parabéns homem!!!

    :)

    ResponderEliminar
  2. Também tenho essa saudade..
    Perfeito texto.
    Abraços

    ResponderEliminar
  3. Em tempos , conheci bem este sentimento!
    Beijito.

    ResponderEliminar
  4. "Morro na saudade que criei…"
    A gente cria a imagem e depois a saudade!
    Coisas do coração!
    E é a pior sudade...
    Imaginr algo que vc nuna viu e nem verá...
    Saudade dolorida!

    Beijos avassaladores!

    ResponderEliminar
  5. Saudades...Só sente quem viveu.
    É bom sentir saudades, porque valeu a pena o que se viveu e foi bom.
    Tambem as saudades do desconhecido do nunca tido e do imaginario.
    Saudades, sonhos, esperanças....
    A gente lesse por aí bj.
    Ass: Maria

    ResponderEliminar
  6. Saudades de quem nunca vi...to sentindo isso, sentindo a angústia de querer estar perto de alguém tão distante...

    Bom fim de semana pra vc,
    bjos.

    ResponderEliminar
  7. Saudades...
    Vivo cercada dessa palavra...

    Parabens meu poeta... pelo fluir da tua saudade!

    Bom fim de semana.

    Beijos.

    ResponderEliminar
  8. Perfeito!
    Tens uma sensibilidade enorme e a transforma numa fina seda ao toque de nossos sentidos, porque a poesia não é estática, ela é viva, movimento..

    Um super abraço!

    Renato

    ResponderEliminar
  9. A saudade é um abismo, um vazio uma imensidão em que buscamos o outro para fugirmos do medo.
    Moisés, sonhamos e sentimos saudade de um alguém, um quem que não conhecemos, porque parece ser uma saudade sem rostos, sem boca sem pele mas é um alguém a quem esperamos...
    Muito bonitos teus versos...

    Carinho,

    Mai.

    ResponderEliminar
  10. Eu conheço bem essa saudade!
    Ela já faz parte de mim...
    Só que eu ainda não aprendi a conviver com ela,porque às vezes ela dói e muito!
    As vezes... quando penso que ela foi embora... ela mostra que está ali, guardadinha no mais intimo de mim.
    Sentir "saudades de quem nunca vi"... pode até parecer loucura mais é a mais pura verdade!
    Faz parte dessas coisas da vida que não tem explicação... a gente apenas sente!
    Muita paz nesses dias ao seu coração Poeta!

    ResponderEliminar
  11. Saudade é um pouco de fome, só passa quando se come a presença. Às vezes a saudade é tanta, que a presença é pouco: quer-se absorver a outra pessoa toda.
    Essa vontade de um ser o outro para uma unificação inteira é um dos sentimentos mais urgentes que se tem na vida.
    C. Lispector

    Lindo texto!
    Bom final de semana!
    Bjs.

    ResponderEliminar
  12. Adoro passar por aqui..

    "Os rios se unem em abraços
    Com luz de sol em raios de beleza … "

    Gostei imenso..Bjs

    ResponderEliminar
  13. lindo blog, parabéns...
    saudade é aquilo que foi bom, e não volta mais...
    abçs
    acesse meu blog:
    www.silvanacasalves@blogspot.com

    ResponderEliminar
  14. Maravilhoso como você usa as palavras,poeta!

    Saudade de alguém de outra vida?

    Bom fim de semana!Namaste!

    ResponderEliminar
  15. La magia y la ternura de tus versos quedan prendidas del alma de quien los lee.
    ¡Maravilloso! Un gran cariño, amigo.

    ResponderEliminar
  16. Um poema que nos faz mergulhar no arroubo poético dessa saudade.

    Abraços!

    ResponderEliminar
  17. "Saudades de quem nunca vi"..isso nao será desejo?...nestes pequenos ecrans acontece muito isso..vamos nos apaixonando por quem nos estima e nos dá palavras de carinho.....algumas delas pessoas fantasmas..mas que nos criam saudades quando deixamos de ler as suas mensagens.
    Vi esta tua poesia da forma que descrevi..
    bem ou mal eu vi ela assim
    um abraco
    Rui

    ResponderEliminar
  18. Thank You for the visit on my blog & for your beautiful words to me. :)

    ResponderEliminar
  19. Saudades são pequenas cicatrizes que marcam a nossa alma, por tudo e por nada...
    De quem nunca vimos? Também!
    A imaginação dos poetas tem um rosto para cada palavra e são tantas...
    Um bom fim de semana, onde a saudade seja um reflexo de luz, que não deixe marca.
    Parabéns Poeta, você tem um dom especial...
    Muito obrigado por nos deixar entrar nos cantinhos do seu coração.
    Beijinho de luz e paz.
    Nely.

    ResponderEliminar
  20. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  21. Saudade... saudade dos amigos de infância, dos professores, do parentes distantes ou já falecidos. Saudade dos amores não vividos... saudade...quem não a tem?

    Bjos e um ótimo fim de semana.

    ResponderEliminar
  22. É o que estou sentindo meu amigo, saudades de uma pessoa que está longe, e o pior, estar doente e não posso ajudá-lo, só com orações e torcer para ele ficar bom logo.

    Tenha um maravilhoso final de semana.

    Bjss

    ResponderEliminar
  23. Muito bonito! xD
    As palavras têm poderes únicos de transmissão de ideias, pensamentos...

    ResponderEliminar
  24. Olá querido,td bem?
    Sabe que,as vezes eu tb sinto essa saudade...
    Bom fim de semana e sorrisos coloridos!

    ResponderEliminar
  25. Saudades doque não vivi
    De quem nunca vi...
    Adorei o poema e me identifiquei ocm ele tbm.

    Bjos

    http://www.lufnunes.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  26. “...A noite suspira num suave vento
    E rouba às flores o perfume de ti…
    Sobrevoa oceanos banhados de alento
    Que chegam como um jardim… até mim ...”

    Harmonioso é o teu espaço, uma energia gostosa sinto aqui. As palavras se unem tecendo versos de uma sintonia divina. Creia-me !
    Agradecendo a visita que fizestes ao meu mundo, coloco teu espaço na minha rota de voo se me permites.

    Entrego em tuas mãos um punhado de pérolas incandescentes de boas energias e luz.

    Com carinho

    Eärwen

    ResponderEliminar
  27. Eu também tenho saudades de quem nunca vi.
    Sempre com maravilhosos poemas como este. Abraço
    .

    ResponderEliminar
  28. Manzas...
    adoro seu espaço...
    e saudade é sempre saudade...
    Passa no meu projeto de blog
    e deixa um pouco de você por lá
    em forma de comentário...
    Bjins entre sonhos e delírios

    ResponderEliminar
  29. É incrível a capacidade que a chuva tem de incendiar sentimentos!

    ResponderEliminar
  30. Saudade de amor, saudade de paixão, saudade de toque...saudade por inteiro e inteira. saudade que vem e assalta, toma conta...pede asilo.

    beijo
    ............Cris Animal

    ResponderEliminar
  31. Moisés, só agora encontrei seu blog.
    Muito bem elaborado. Estas saudades de ausência, que também sinto, são benignas. Assim como os não que não ouvimos e os "sim"s, que são nãos.

    Belíssimo poema!
    Parabéns!

    Abraços

    Mirse

    ResponderEliminar
  32. Eiii! Boa noite!

    Saudade é a memória gritando. Que bom que existe saudade... Especialmente quando a dor já deu licença e partiu!

    Obs.: Não seria eu essa pessoa que vc nunca viu??? (brincadeira)

    Abraços de LUz

    ResponderEliminar
  33. O que escrever quando alguém com um blog assim nos deixa um comentário? Adorei passar por aqui, voei com o som , ao ver as imagens sonhei e reflecti sobre cada magia em forma de palavras.
    Parabéns, vou voltar sempre.
    Um abraço.
    Bruno Cardona

    ResponderEliminar
  34. saudades o que é na verdade? dor, solidão, ausência, tristeza, pensamentos soltos ou amarrados a esperança de um encontro, não sei mas são emoções que nos fazem refleir, pensar, lembrar, o que muitas vezes nem mesmo queremos deixar calado em nosso intimo, é essa a saudade.
    um fim de semana maravilhoso a vc

    ResponderEliminar
  35. Acontece a todos sonhar.
    Por exemplo com a mulher ideal...

    Um forte abraço

    ResponderEliminar
  36. Escrito com inspiração!
    Gostei!!!!

    Beijinhos,
    Ana Martins

    ResponderEliminar
  37. Olá!

    Quantas vezes, sentimos saudades de algo que nunca tivemos, mas gostarímos de ter. Saudades dos sonhos não realizados, dos anseios que se mantêm latejando dentro de nós, sufocando-nos...
    Quantas vezes...!

    Um abraço!

    Bom fim de semana

    Mário

    ResponderEliminar
  38. Saudade...Eita sentimento que dói hein!E dói mais qndo a saudade que se tem é de alguém que esta próximo...Tenho sentido saudades de qnd eu tinha coragem,de qnd eu era sozinha e podia sumir,fugir...Ah,deixa p lá(Sou doida mesmo rs rs)
    Muito lindo o seu Post(Eita,que eu to gostando bem muitão daqui hein!)
    Um xero e tenha um lindo fim de semana

    ResponderEliminar
  39. Bem ilustrado, bem rimado... e original porque é a "saudade de quem nunca vi" :)

    um enormíssimo abraço

    ResponderEliminar
  40. Apenas sei que o que acabei de ler é extremamente belo acompanhado desta melodia maravilhosa...

    Passei correndo
    Com xuva,vento e frio
    Passei voando
    Arrastada por um fio.

    Não passei por nada
    Apenas ,porque de mim emana
    Grande amor por meus amigos
    Passei desejando bm fim d semana.

    Beijinho prateado com carinho

    SOL

    ResponderEliminar
  41. Fazer amor é andar por
    Caminhos da alma
    Com o toque de um beijo
    Sem pressa...
    Sentir o roçar da mão no ombro
    Daquele que caminha ao lado,
    Acordar sempre com um
    Eu te amo,
    Renovado e sincero...
    Ver juntos o por do sol,
    Em silencio ler um livro
    Numa velha poltrona..
    Fazer amor é pisar na eternidade,
    Fazer estrelas e sentir
    O perfume das manhãs,
    Sorrisos de sol,
    Olhos de mar...
    Fazer amor é realizar sonhos,
    Viver na consistência do céu...

    Sônia Schmorantz

    Só passei para te desejar um lindo final de semana
    Abraços

    ResponderEliminar
  42. Manza...
    Criamos amores e também criamos saudades !
    Eu diria que essa saudade é " amadurecimento". Meditação.
    Grande final de semana.
    Beijão

    ResponderEliminar
  43. Saudades quem não as tem?
    Saudades do passado, saudades do futuro...
    Obrigada por passar pelo meu cantinho.
    Gostei deste pensamento em pensamento e " Se não mudar o que faço hoje, todos os amanhãs serão iguais a ontem ".
    Um abraço, com prémio, RS.

    ResponderEliminar
  44. "Os rios se unem em abraços"
    Isso é muito lindo, poeta!

    Quando a distância é tamanha só nos resta imaginar um monte de delícias.


    Beijinhossssssssssssss

    ResponderEliminar
  45. Caminho sem destino entre as palavras solitárias do dicionário caminho entre folhas brancas sem horário...
    Nas 23 teclas do abecedário encontro tantas respostas para tão poucas questões porque eu vivo entre o hoje e amanhã o antes e o depois

    ResponderEliminar
  46. Talento!
    Disseste o que eu por vezes sinto.

    Obrigado pelas palavras.

    Li seu futuro livro, e descobri que somos irmãos. (Que novidade... Todos somos!);
    Grande abraço deste lado do Atlântico, Brasil!

    ResponderEliminar
  47. Olá amigos!
    Estou passando rápidamente para comunicar-lhes que estou sem net desde quarta feira (dia 4) por isso estou ausente! Mas assim que o problema for solucionado colocarei tudo em ordem novamente...

    Obrigado pelas visitas e pelos comentários que me deixou!

    Um grande abraço, e um ótimo final de semana!

    ResponderEliminar
  48. Recebi um comentário teu já algum tempo, mas qdo te respondi estavas a encerrar o teu blog. Hoje quando fui ver o blog da Luna, acabei por te "ver" por lá... Tive de aqui vir... Vou espreitar tudo com calma... não te importas?

    Beijinho e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  49. Depois desse poema não há como não ter um lindo final de semana.

    beijos

    ResponderEliminar
  50. Manzas,
    Me ví nesse poema...
    Minha alma marejou,pois tenho
    saudades de quem nunca ví
    beijos verde e amarelo
    MARI

    ResponderEliminar
  51. e para q eu nao tenha saudds de te ler, cá estou...
    um sorriso e obrgda

    ResponderEliminar
  52. Adorei seu blog.
    Amei "´HÁ DIAS...", mas seria injusta se escrevesse só isso, pq amei todo o resto também !
    Passei por aqui ao acaso, que bom... senti suas palavras, sua emoção, sua inspiração.
    Que loucura !
    Parabéns !
    Quando der visite meu blog também :

    Beijo !
    Solange Maia

    http://eucaliptosnajanela.blogspot.com

    ResponderEliminar
  53. Nossa lindo d +!!!!!!!...
    Lendo esse poema, tb senti saudade de alguns momentos...Ahhhhhhhhhh
    Adorei! =D

    Bjos!
    =**

    ResponderEliminar
  54. Eu também gosto muito da canção... ela me faz lembrar alguém.
    Manzas...Durante esses dias estarei fazendo postagens com poesias e poemas dos amigos do blog.Queria a sua permissão para postar uma de suas poesias.
    Aguardo sua resposta.

    ResponderEliminar
  55. Adorei a letra da música...
    Sensualmente bela!
    Gostaria de ouvi-la.

    Obrigada por sua permissão...em breve estará em meu blog.

    ResponderEliminar
  56. Olá,

    Ter saudades de quem nunca se viu como sentir falta de algo que nunca se teve, mas que se deseja e percebe que nos complementa...

    Excelente reflexão...

    Abraço
    Colibri
    ------
    Os meus últimos sentires…
    Colibrir as Emoções: Os filhos do pantanal…
    Corais dos Recifes: Ecological Day…
    Eis-me aqui: Eu não acreditava Nele!
    Traços de Angola: Parte 12 - Fotos do Lobito (Parte II)…

    ResponderEliminar
  57. Esta saudade
    rima...
    com a beleza
    do teu poema!

    Bonito, poeta!

    Beijos

    ResponderEliminar
  58. Olá Manzas...bela a letra...parabéns...
    Você também toca algum instrumento. Eu sinceramente apenas arranho e desafino meu violão, geralmente faço parceria com meu irmão depois de ter meus poemas prontos, ele altera daqui e dali e vai compondo...
    Ele tém mais de duzentas composições...sou fâ dele...rs
    Um abraço na alma...valeu a visita...

    ResponderEliminar
  59. Ola amigo!Obrigado por ter passado no meu blog e deixado um belo comentário.
    Teu escrito é muito belo, que enche a alma e faz pensar no valor que tem a vida..parabéns!

    Abração e ótimo fim de semana!

    ResponderEliminar
  60. Olá meu doce amigo Manza!
    Seu poema está muito lindo, sensível e puro.
    Serve para muitos refletirem em suas vidas.
    Passamos a dar mais valor ao que
    temos ao nosso lado.
    Seu poema, serviu para mim, como um pensamento, pois, a distância aumenta muito minha saudade.
    Beijinhos doce, meu amigo.

    Regina coeli.



    Sauadades de quem nunca ví, apenas senti.
    Beijinhos doce.
    Suaaamiga

    ResponderEliminar
  61. A palavra mágica
    dorme na sombra
    de um livro raro.
    Como desencantá-la?
    É a senha da vida
    a senha do mundo.
    Vou procurá-la.
    Vou procurá-la a vida inteira
    no mundo todo.
    Se tarda o encontro, se não a encontro,
    não desanimo,
    procuro sempre.
    Procuro sempre, e minha procura
    ficará sendo
    minha palavra.

    Carlos Drummond

    Lindo domingo!
    abraços

    ResponderEliminar
  62. Manzas, agradeço a oportunidade que me deu para conhecer o seu espaço.

    Adorei as palavras, as frases sempre tão bem acompanhadas de sentimentos nobres, puros e verdadeiros...

    Voltarei aqui certamente.

    Vou adicioná-lo à minha lista de amigos =)

    Beijocas ***

    ResponderEliminar
  63. Poema bonito!
    Obrigado pela visita, também voltarei!
    Abraço!

    ResponderEliminar
  64. Por vezes temos esses tipos de saudades é como sentirmos saudades de nós mesmos
    bj

    ResponderEliminar
  65. Olá meu anjo... passando pra ver as novidades e deixar a vc meu carinho ......Cada dia quando fechamos a porta do último minuto e nos preparamos para o dia seguinte, é uma vitória alcançada.

    Pessoas especiais aos olhos de Deus são as que não desistem, as que se voltam, recuam quando necessário e avançam quando preciso. São as que nunca perdem a coragem, mesmo nas aflições.

    As que guardam a calma na tormenta porque tiraram da vida as lições, as que sabem que Deus não nos abandona, mas respeita, embora com tristeza, quando nos afastamos dEle.

    Pessoas especiais abrem-se ao mundo e o abraçam. E por onde passam vão deixando rastros de luz, perfume de sabedoria, esperança para os que ficaram para trás, exatamente como deseja o coração de Deus.(Leticia Th.)

    beijossssssssss carinhososss

    ResponderEliminar
  66. ...quem de nós algum dia
    não foi refém de saudades?

    mistérios que a vida tem...

    bjs, poeta!

    ResponderEliminar
  67. Boa Noite!
    Sempre pensamos que a saudade foi feita para machucar, mas com tempo percebemos que é a maneira mais certa de percebermos o quando gostamos de alguém...o quanto esse alguém nos marcou...
    Mas tem uma maneira simples de aliviar esse sentimento, que parece querer rasgar nosso peito...
    Deixe-a transbordar pelos olhos!!!....E então, inundará a alma e a deixára leve,e quando os suspiros chegarem....sem dor, respire bem fundo..deixando apenas a saudade, sem a dor,e alma renovada e pronta para outros momentos...de lembranças!

    Beijo em sua alma linda....adorei ler, e conhecer vc....Obrigada por sua visita...volte sempre!
    Dina

    ResponderEliminar
  68. Olá...
    as vezes sentimos saudade de pessoas que não conhecemos nunca vimos...
    Isto nos traz uma angustia e ao mesmo tempo um a paz...
    Suas poesias como sempre são uma inspiração...
    A uma poetisa aspirante...
    Continua assim...
    dando inspiração aqueles que sabem apreciar a arte das palavras...

    ResponderEliminar
  69. A sempre volta para reler...
    Ainda mais quando é um poema assim, tão pungente!
    E aproveito para te desejar uma linda semna!


    Beijos avassaladores!

    ResponderEliminar
  70. Você deveria escrever para alguma revista! Seriamente. Sem palavras para todos os seus textos. Já li vários. E tudo é quase imperfeito. Um beijão!

    ResponderEliminar
  71. Meu poeta roqueiro...selos para ti lá no meu blog, vai lá buscá-los OK?

    boa semana

    ResponderEliminar
  72. Olá Manzas, vejo que descobriu o novo blog, embora o meu pessoal continue a ser os universosquestionaveis. Saudade é um sentimento de desunião, mas a saudade mais forte é a saudade de nós mesmos... quando nos sentimos desligados da nossa alma.
    Um beijinho de LUZ

    ResponderEliminar
  73. Manzas...

    Tenho andado bastante atrapalhada com o trabalho e a faculdade.As vezes fica difícil visitar como gostaria.
    Mas o importante é que no coração nos mantemos vivos e jamais esquecidos!
    Que essa seja uma semana rica em realizações para o seu belo coração!

    *A próxima postagem será a sua...aguarde!

    ResponderEliminar
  74. Olá!
    Bom dia...
    Espero que tenha gostado da minha homenagem a todos os queridos amigos do Além Mar...
    Suas poesias são todas muito lindas e me inspirou a criar mais um blog, o Barulhento Silêncio, espero que goste dele, na realidade me incomodava ver aquela foto da harpa, me dava pânico vê-la, me atingia, então resolvi criar um blog com fotos que me falassem algo mesmo em silêncio!
    Então vou postar imagens com o minimo de legendas...
    ***Haaaaaa, q conêncidencia nossas fotos de abertura... rsrsrsrs
    Um grande abraço e desejo q tenha uma ótima semana...

    ResponderEliminar
  75. Como sempre, um belo texto.
    Tem sentimento mais intenso para nos fazer escrever coisas belas do que a saudade?
    abçs!!

    ResponderEliminar
  76. Olá, Manzas bom dia!!!
    Valeu por passar no meu blog!
    Seu blog é ótimo!
    Seus poemas são lindos!
    Vc manda muito bem...Apartir de hoje
    sempre que puder estarei visitando seu blog, para ganhar um pouco de sabedoria!

    Parabéns pelo blog

    Abraços!

    ResponderEliminar
  77. Maravilhoso!

    Uma ótima semana pra vc!!!

    Manu

    ResponderEliminar
  78. Tua alma poética encanta-me.
    Tua escrita é sublime e inspiradora
    Abraços,
    Cris

    ResponderEliminar
  79. Eu tbém sinto saudade de quem nunca vi, de quem nunca toquei.
    Que pena!
    Boa semana, beijo

    ResponderEliminar
  80. Amigo Manzas, tenha uma semana abençoada.

    Bjss

    ResponderEliminar
  81. Com que instrumento se matam as saudades de quem nunca se viu?
    Abraço.

    ResponderEliminar
  82. Lindo este lugar de sentimento
    Me convém voltar a cada momento...

    Ficou estranho, mas é meu coração adorando este espaço, é muito agradável.
    Grata por sua visita, fique sempre a vontade para voltar.
    Tomei a liberdade de seguir seu blog, quem sabe eu aprendo um pouquinho de rimas...(RSRSRS)
    Bjs
    Perséfone

    ResponderEliminar
  83. Moises...maavilhoso teu cantinho, li alguns, mas voltarei, parabens!!! Visite o meu e de sua opiniao, sou iniciante na arte de escrever...estou tentando, beijinhos belzinha

    ResponderEliminar
  84. Uma saudade escrita de forma tão bonita....


    Beijo, Manzas

    ResponderEliminar
  85. Olá Manzas

    Passa no meu blogue e aceita o desafio.

    Obrigado.

    Abraço.

    ResponderEliminar
  86. Moisés,

    as palavras em "Saudades de quem nunca vi" estão abundantemente aquecidas pelo fogo dos sentimentos (paixão?...).

    Belo poema. Parabéns!

    Abraços,
    H.F.

    ResponderEliminar
  87. Se há um sentimento que me traduz é a saudade... nunca por si, mas a saudade de quem nunca vi.

    ResponderEliminar
  88. Moisés, agradecendo sua vinda ao Armazém das Palavra, fato que motivou ver seu blog e seus escritos, pois o que deixou no Armazém, foi de apraz leitura.
    Sois um jovem escritor com uma forte
    veia literária aonde certamente confluem seu sentido onirico de ver e viver a vida e o prazer da escrita. Parabéns

    bjs

    carmen fossari

    ResponderEliminar
  89. Olá

    Parabéns pelas palavras

    Interessante.. já escrevi um poema "Saudades dos tempos que não vivi"..

    ResponderEliminar
  90. Meu Querido tem selinho pra vc lá no blog.... não sei se vc já ganhou este, mas saiba que pensei em vc com carinho!
    Bjinhos da Madrasta

    ResponderEliminar
  91. Acho saudade um sentimento tão bonito, mas também muito dolorido. É lindo! A foto, perfeita!

    Gostei desse espaço.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  92. É interessante como podemos sentir algo tão verdadeiro ainda que seja de algo fantasioso ou imaginário!
    Não é a toa que um dos poetas e profetas bíblicos dizia ser enganoso o nosso coração!
    Maravilhosamente enganoso!rs
    Linda poesia!
    Parabéns!

    ResponderEliminar
  93. Muito lindas as coisas que você escreve, parabéns!!!

    Adorei o blog!

    Beijo...

    ResponderEliminar
  94. Não sou poetiza,mas quero dizer que este espaço,me fez lembrar que sinto saudades do que nunca vivi.
    Parabéns!

    ResponderEliminar
  95. saudade e a forma q a vida encontrou de mostrar q o passado vlw a pena!!!!!!!

    ResponderEliminar
  96. Ótimo texto, copiei, mas mantive o nome do autor e um link para seu blog.

    Obrigado por presentiar-nos com esse pensamento.

    ResponderEliminar
  97. Saudade . . .
    Tenho muitas . . .
    das coisas que gostaria ter feito . . .

    Beijitos . . .
    Tucha . . .

    ResponderEliminar
  98. MANZAS, BOM DIA! SÓ HJ DESCOBRI A SEU BLOG E ESTOU ADORANDO!!! QUANTAS COISAS BONITAS VC TEM DENTRO DE SE PRA PASSAR PARA NÓS. OBRIGADA, SOU BRASILEIRA E ESTOU ENCANTADA COM A SUA SENSIBILIDADE.
    SAUDADES DO QUE NUNCA VI. É O MEU MOMENTO ATUAL. ESTOU SENTINDO JUSTAMENTO ISSO AGORA, E VC VEIO ME DIZER COM TANTA DOÇURA ISSO QUE EU TANTO BUSCAVA.
    NÃO ME AFASTO MAIS DO SEU BLOG, VOU ESTAR SEMPRE CONTIGO E TORCENDO PARA QUE A CADA AMANHCER DEUS TE DÊ MAIS INSPIRAÇÕES PARA QUE VC POSSA DIVIDIR COM O MUNDO.
    OBRIGADA POR VC SER ESTA PESSOA LINDA!!!

    UM ABRAÇO CARINHOSO!!!

    VALÉRIA VÃNIA DE PERNAMBUCO-BRASIL.

    v.vania10@hotmail.com

    ResponderEliminar
  99. Também sinto falta de alguém que nunca vi...cada vez que fecho meus olhos,eu o vejo em um penhasco ao por-do-sol a me esperar...Sempre tive essa sensação de que alguém me esperava...mas o tempo passou tão depressa!que eu acabei cansando e me ajeitando com alguém mesmo,mas é triste.
    As vezes acho que esse alguém já morreu ou que nunca existiu...bom queria dar os parabéns pelo lindo poema.

    Mitra de Porto Alegre-Brasil.

    ResponderEliminar
  100. Eu sinto saudade de alguém que nunca vi pessoalmente!

    ResponderEliminar

Um pensamento, uma reflexão,
um comentário …
Caloroso abraço de sua opinião
com sorriso de entusiasmo
de eterna Gratidão…