segunda-feira, 9 de março de 2009

Falta de inspiração!


Num momento desnudado de inspiração
Apuro sentidos desconhecidos nas janelas do mundo…
Abro longas cortinas entreabertas da imaginação
E sonho despertar, num sono em que não durmo

Procuro nos búzios perdidos á beira-mar
Ouvir vozes batendo como ondas em céu azul…
Apanho conchas que reflectem o descanso do luar
Lábios que beijam a noite no silêncio dos ventos sul

Por entre as gigantescas ondas da descrença
Perco a sentida melodia da voz do vento…
Subo escarpas sem escadas de luz de presença
Entorpeço, caindo num desconhecido momento

Atravesso a ponte do planar das gaivotas
Cavando inspirações em praias de areias finas…
Lanço na margem do pensar, anzóis em reviravoltas
Amanhados iscos, flutuando nos engodos das rimas

Hoje os pássaros não mais cantam o meu idioma
Nos jardins em que as rosas sempre me sorriam…
As pétalas voam pelo deserto descalço, sem o aroma
Dos horizontes perfumados que outrora me seguiam

Teimoso! Contínuo subindo ao alto de mim
Tentando agarrar palavras que correm em contra-mão…
Carrego a meus braços, o caixão em que morri
E enterro sem a dor de luto… a falta de inspiração!
.
-Manzas-

65 comentários:

  1. Ah Manzas... adoro ser poeta, ser artista.
    Semana passada uma grande decepção me jogou em um vacuo que me parecia ser um ponto final.
    So queria dormir...
    Mas como diretora artistica sei que nós artistas,poetas...vemos o mundo com um tipo de lentes e que elas as vezes ficam cinza...so por algum tempo
    mas logo algo dentro de nós renasce e o ânimo ressurge!Foi assim que depois de um bom banho de mar, voltei a ver bem pois minhas lentes voltaram a me mostrar imagens coloridas.
    Em fim...
    Coisa boa viver!!!!
    Bjins entre sonhos e delírios

    ResponderEliminar
  2. Poetas...
    Doces...cálidos...
    Sabem fazer de coisas foscas e cinzas, poesia!

    Mui lindo amigo!
    É a falta de inspiração mais inspirada que já li!rs
    Lambidas da lobba!

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  4. Lindo o texto...é de se pensar!!!
    Adoreiiiiiiii

    ^^

    irei segui-lo

    ResponderEliminar
  5. meu querido ... quisera eu ter essa falta de inspiracao!

    bjos

    ResponderEliminar
  6. Imagino você inspirado!!
    Parabéns
    Abraços

    ResponderEliminar
  7. Nem brinca com isso...falta de inspiração tem que passar longe de vc...adoro vir aqui! rs

    Boa semana pra vc,
    bjo carinhoso!

    ResponderEliminar
  8. Tem horas que ela foge da gente, e por fugir acaba nos inspirando...belo poema...um abraço na alma

    ResponderEliminar
  9. =D e quanto mais se acha que a inspiração não vem, ela aflora em toda sua pele e flui, assim, que você nem percebe...

    ResponderEliminar
  10. Essa "falta de inspiração" leva-me a pensar
    num certo desânimo q. nos acontece a todos nós.
    Enganei-me?
    Beijo.
    isa.

    ResponderEliminar
  11. Linda inspiração! Parabéns, poeta!

    Abraços

    Mirze

    ResponderEliminar
  12. Realmente nas janelas do mundo há variadas e boas inspirações...
    Beijo!

    ResponderEliminar
  13. O que dá grandes POEMAS são os temas.
    Falta de inspiração é um bom tema, pois saiu lindamente...
    UM BEIJO DE UMA LEITORA QUE TAMBEM NÃO ANDA INSPIRADA.
    MARIA

    ResponderEliminar
  14. Oi Fofo...

    Imagino você inspirado...

    Beijocas

    ResponderEliminar
  15. Não! Desinspirado jamais
    O poeta vive no mergulho das palavras
    Ancora os teus dedos no cais
    rega as sílabas na terra que tu lavras!

    E assim... o poema surge!

    Beijinhos, Manzas

    ResponderEliminar
  16. Olá! Finalmente consigo retribuir a visita! Desculpe a demora! Tudo lindo por aqui! Amei! Bjs

    ResponderEliminar
  17. Desnudado de inspiração
    á beira mar luz de presença
    em reviravoltas sem aroma
    em contra-mão...
    ...A FALTA DE INSPIRAÇÃO!

    É maravilhosa a forma como usas as palavras amigo, mas falta de inspiração?, apenas como título.
    Esse enterro é sem luto e o caixão vai vazio!
    Obrigado pelo teu comentário e já conheço o Relato como não podia deixar de ser.
    Parabéns...sempre!
    Um abraço amigo.
    Nely.

    ResponderEliminar
  18. Se em momentos desnudados de inpsiração as palavras navegam tão fluentemente, com inspiração elas devem fazer mergulhos de golfinho e farão as mais belas navegações por entre os oceanos.

    Muito bonito!
    Beijo, poeta de altas inspirações!

    ResponderEliminar
  19. Manzas
    Atrevo-me a dizer que a tua falta de inspiração é inspiração pura!
    ;)

    ResponderEliminar
  20. Bem dita falta de inspiração, ficou lindo :)

    beijinhos e obrigado pelas visitas à minha manta de retalhos

    ResponderEliminar
  21. *Bendita :)
    desculpinha pelo erro rsrsrsrs

    ResponderEliminar
  22. Acredito na desinspiração inspirada, logo a inspiração vive, ainda e felizmente
    Abraço

    ResponderEliminar
  23. Obrigada Manzas pelo carinho...

    Está certo!...

    Beijos

    ResponderEliminar
  24. foi mais do que enterrada esta falta de inspiração com este teu belo texto
    beijos

    ResponderEliminar
  25. Imagina inspirado então? tudo de bom.... lindo meu querido! bjinhos da Madrasta!

    ResponderEliminar
  26. "Por entre as gigantescas ondas da descrença
    Perco a sentida melodia da voz do vento…"




    adoro saber que pessoas assim ainda existem... me perco e encontro coisas tão belas assim, até na falta de inspiração és puramente belo...


    Parabens... Um grande beijo e será bem vindo em A Sombra do Mar

    ResponderEliminar
  27. ¡Imposible pensarte sin imaginación! La tuya es fecunda, robusta, sentimental.., seguramente porque a su falta, la has enterrado.
    Besos y cariños, amigo poeta, hermano poeta...

    ResponderEliminar
  28. Olá Manzas,
    Teu poema esta belíssimo, conquistou-me tua escrita.
    Abraços,
    Cris

    ResponderEliminar
  29. Quanta inspiração neste seu poema “FALTA DE INSPIRAÇÃO” tem de nos brindar mais vezes.
    Agradeço por compartilhar conosco, suas belíssimas poesias.
    Abraços.
    Angela

    ResponderEliminar
  30. todos temos momentos de falta de inspiração, mas inspiração eu vi naquilo que aqui li...
    gosto do seu poetar, se é que assim o posso mencionar...jinhos T!na

    ResponderEliminar
  31. Obrigada pela visita... è uma honra receber uma visita de outro país.
    Seja sempre bem vindo.
    Bjos!

    ResponderEliminar
  32. A situação do teu ótimo poema é a mesma do "Mesa vazia" lá do klic.. Abraço

    Receita

    Separe a útopia
    em dose desigual,
    coloque um pouco de real
    dentro de cada uma e misture,
    Não beba, deguste-a.
    *tossan

    ResponderEliminar
  33. Isso acontece faz parte da vida de um poeta!! a falta de inspiração!!! e olha valeu meu querido pelo comentario!! volte sempre, suas palavras sempre serão bem vindas!!

    ResponderEliminar
  34. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  35. O velho ego subsiste preso à harmonia
    e luta com o super ego do que cristaliza.

    Tudo se desmorona
    e a responsabilidade maior é aceitar
    outras verdades.

    Como pude estar tão fechado
    à minha liberdade
    e ser tão vencido pela importância de invólucro!

    A minha teimosia
    é filha do medo,
    e eu inspiro-me
    no que me inspira viver,
    para que eu também seja poesia!...


    Abraço poema,

    jhs

    ResponderEliminar
  36. Sem inspiração poeta!
    Afff e lhe rendeu esta arte magica...

    Então por agora...
    Não digas nada...
    Em mim existe toda esta euforia...
    Liberando palavras e sons...
    Não encontro explicação...
    No momento é só emoção...

    Quando o vento por ai passar...
    E seu coração palpitar...
    Lembre-se serei eu...
    A te acariciar nesta...
    Minha inspiração...

    Bjs e uma tarde iluminada anjo!
    Meu carinho...

    ResponderEliminar
  37. Não tenho o dom da palavra,
    mas o sentimento sempre aflora com palavras que tocam a alma.
    Obrigada pela visita!
    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  38. Entrei por acaso e gostei muito do que vi. Resolvi saudar-te.

    " Os verdadeiros amigos são aqueles que aparecem quando o resto do mundo desaparece "

    Tens esta frase no fim do blogue e eu subscrevo!

    Parabéns!

    ResponderEliminar
  39. é ja que que sua falta de inspirãção é bem diferente do resto dos seres humanos hahah, pq atraves dela saiu esse texto tão lindo! beijos e boa semana

    ResponderEliminar
  40. Inspirado Anjo
    reflectido nas palavras.
    Quem sabe...com os sonhos e projectos realizados...tudo melhore.

    ResponderEliminar
  41. Meu querido, se ficar sem inspiração é escrever assim como você, todos vão querer ficar. Seu poema é simplesmente maravilhoso... Com ou sem inspiração.

    Ótimo resto de semana.

    Bjsssss

    ResponderEliminar
  42. Grande é o homem que continua teimosamente, a subir ao alto de si...
    Grande é o poeta que humildemente, isso canta!

    Um abraço
    Obrigado pelo tempo que me dedicas.

    ResponderEliminar
  43. Que nunca a inspiração te falte Manzas, obrigado pelas palavras; excelente poema.

    ResponderEliminar
  44. Obrigada pelas palavras, de coração...
    Mesmo que a vida não é como a gente quer, vale mesmo apena simplesmente viver... Toda a paz para você

    ResponderEliminar
  45. A inspiração é um estado de espirito.
    Pode ser alegria ou outra coisa qualquer...
    Sózinha, não vale nada.
    Mas bem trabalhada... move-se o mundo.

    ResponderEliminar
  46. Meu Deus,que perfeição!!!Isso que eu chamo de um belo poema,lindo,lindo,lindo...Adorei tudo,as palavras,a história,muito bom mesmo,parabéns mais uma vez,quem sabe um dia eu chegue lá e consiga escrever tão bem assim também rsrs.

    Ahh,não tem coisa pior do que falta de inspiração,comigo quando aconteçe isso não adianta,tem dia que não sai nada,as vezes até consigo escrever algo mas não consigo terminar,ai termino dias após rs.
    Muito obrigada pela retribuição da visita e o comentário.

    Boa Noite


    Daya.

    ResponderEliminar
  47. Caro Manzas,também ando sem inspiração mas mesmo sem inspiração você escreveu esse lindo poema!

    Tem selinho e desafio lá pra você.Mas se não quiser fazer tudo bem.

    Um abraço!

    ResponderEliminar
  48. Mais um poema soberbo, imaginas se estivesse inspirado, levantaria vôo , dentro deste Universos de versos.
    Gosto de ler sua poesia ao silêncio da noite, e imaginar flocos de nuvens entre o luar,
    com admiração,
    Efigênia Coutinho

    ResponderEliminar
  49. A falta de inspiração não apagou a criatividade.
    Parabéns!
    Abraço

    ResponderEliminar
  50. Manzas,

    Às vezes sinto que a inspiração se apresenta na forma de borboletas multicores, frágeis com tantas formas e tantas cores, que fogem por entre os dedos...

    Bela quarta-feira pra ti!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  51. Se sua falta de inspiração é assim, imagina quando você está inspirado! :P hehehe
    muito lindo o poema, faz pensar bastante ! :]

    Tem post novo lá no meu também !
    beeijaão ! :*

    ResponderEliminar
  52. A falta de inspiração só existe àqueles que sempre procuram maneiras de se ter inspirações, pois quem não as tem, não sente falta.

    Esta falta de inspiração nos incomoda, nos diminui, mas com o tempo, nos inspira! Eis aí o nosso objetivo alcançado.

    Parabéns por esta inspiração.
    Um abraço.
    Marcelo.

    ResponderEliminar
  53. Quando a falta de inspiração, se revela neste belo poema...
    Imagino como seria, se estivesses inspirado...

    Um abraço fraterno!

    Mário

    ResponderEliminar
  54. descobri que gosoaté da sua falta de inspiração...
    grande abraço

    ResponderEliminar
  55. descobri que gosto até da sua falta de inspiração...
    grande abraço

    ResponderEliminar
  56. :)
    que belo!
    Se isso é falta de inspiração o que dizer de quando se tem heim
    ai ai
    lindo amigo
    Boa Quarta pra vc
    Beijos carinhosos

    ResponderEliminar
  57. O que seria inspiração então?
    Adorei sua falta de inspiração...
    bjs

    ResponderEliminar
  58. por vezes não importa a falta de inspiração se naturalmente deixamos fluir os nossos sentimentos, é um processo natural
    beijinhos cósmicos

    ResponderEliminar
  59. é nos momentos de confusão que surgem os mais belos poemas, pois a alma anda irrequieta e assim os pensamentos surgem

    ResponderEliminar
  60. Manzas

    Versar sobre a falta de inspiração é encontra-la plenamente como você o fez magnificamente nesse lindo poema.
    Um abraço com rosas

    ResponderEliminar

Um pensamento, uma reflexão,
um comentário …
Caloroso abraço de sua opinião
com sorriso de entusiasmo
de eterna Gratidão…