segunda-feira, 16 de março de 2009

Voz oculta



Nos vastos arejados campos do meu ser
Corre a sombra de uma voz pelos prados da mente…
Entre montes de razões e rochedos do enlouquecer
Suplica a conflituosa tentação inconsciente

Em meus olhos alvejados pela desigual visão
Tento o esplêndido cenário, mas a voz não deixa!
Ouço o constante bater de uma contradição,
O pintar das emoções em tons de uma queixa

Passam como águas de cristal flutuando
No meu sincero lutar de contra o imaginário,
Que me faz querer ser surdo de uma palavra adúltera…

Mas não se destila sentimentos que vão sussurrando
E que passa pelo marcante sentir do contrário,
Sombra que me fala com meiga voz … voz oculta
.
-Manzas-

64 comentários:

  1. são lindas e profundas palavras...

    seu pensamento poeta vai além daquilo que tem fim!

    ResponderEliminar
  2. Vir aqui é como estar em casa, uma boa semana.
    MARIA

    ResponderEliminar
  3. Como sempre me delicio com os teus poemas, essa vozinha , que nos aparece para nos chamar à razão :)

    beijinho e boa semana

    ResponderEliminar
  4. Lindíssimo, Manzas!!!

    "não se destila sentimentos que vão sussurrando"

    A voz oculta da alma, só grandes poetas concebem.

    Parabéns!!

    Forte abraço

    Mirze

    ResponderEliminar
  5. Sempre no seu melhor!

    Parabens!
    beijinho

    ResponderEliminar
  6. Que esta voz oculta te traga o sorrir de um novo dia, de um novo surgir, que tua semana seja esplêndida. Bela reflexão.
    Beijos carinhosos
    Cleo

    ResponderEliminar
  7. Voz Oculta...
    E que VOZ...
    Palavras para quê !!!

    Abraço-te
    JustMe

    ResponderEliminar
  8. òtimo...

    Tenha um bom começo de semana

    abraços

    ResponderEliminar
  9. Ah, esta voz oculta...
    revirou tudo em mim, meus pensamentos, sentimentos e mares...
    Manzas, tua voz é tão verdadeira que posso até ouvi-la daqui!

    Abraços

    ResponderEliminar
  10. Levei um susto...
    ao encontrar seu comentário no outro blog... rs

    ele é tão sem sentimento... tão frio e calculista!
    rs

    espero sua visita em meu blog particular...


    A Sombra do Mar!



    Um grande beijo... e a propósito.. lindo poema!

    ResponderEliminar
  11. Vou passando por aqui, brisa suave de tarde de calor. Beijo

    ResponderEliminar
  12. Que imagem linda a da nova abertura, fantástica, parabéns. O poema, perfeito, como sempre. Tenha uma semana maravilhosa e cheia de boas inspirações!

    ResponderEliminar
  13. OLÁ POETA! ESTÁ VOZ OCULTA QUE APORTA EM TANTOS MARES... BENDITA SEJA ELA ENTRE OS DIZERES DA ALMA... Um poema lido e relido, belo assim parece ser tua nobre alma menino anjo poeta! bjs e uma semana iluminada! vania

    ResponderEliminar
  14. As vezes temos vozes dentro de nós. Voz do bem, voz do mal.

    abraços

    ResponderEliminar
  15. Sempre me causou impressão como é que águas de cristal conseguem flutuar... ;)

    Abraço!

    ResponderEliminar
  16. Querido Manzas... Ainda agradeces os elogios que te faço? Seus poemas são linnndos.
    Gostei da nova foto de abertura.

    Semana mágica pra você.

    Bjsss

    ResponderEliminar
  17. Boa tarde, palavras que dão que pensar e num entanto fazem viajar... nem sei se as minhas palavras vão ser lidas no meio de tantos amigos..
    É bom vir aqui ler, tens o dom que Deus depositou nas palvaras...

    Parabens, Jinhos T!na

    ResponderEliminar
  18. Nos vastos arejados campos do meu ser
    Corre a sombra de uma voz pelos prados da mente…
    Entre montes de razões e rochedos do enlouquecer
    Suplica a conflituosa tentação inconsciente.

    Profundo seus versos de hoje, conde buscas reconhecer sua alma diante das inqueitudes vividas, meus cumprimentos, sempre nos brinda com maravilhas,
    Efigênia Coutinho

    ResponderEliminar
  19. Tentei escolher uma frase, uma quadra, mas não consegui ... Como escolher uma em deterimento das outras???
    Que a tua ESCRITA NUNCA ESTEJA OCULTA
    Beijos Anjo Negro

    ResponderEliminar
  20. Mas que prazer ler os seus escritos... Obrigado por ter criado este mundo tao bonito aqui!

    ResponderEliminar
  21. Sinto como minha, a tua voz
    palavreando o sentido da vida
    Voz que calada em nós
    Mesmo que oculta...ouvida!

    Primoroso soneto, Manzas!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  22. A Voz oculta segreda ao ouvido
    dizeres ambíguos...pouco importa
    na beleza de um soneto o poeta perdido
    encontra na loucura da inspiração a
    direcção da porta...

    Se a tua Voz é meiga... segue-a!!!

    Um abraço

    Atenciosamente P.N.

    ResponderEliminar
  23. Amigo Poeta Genial:
    "...Passam como águas de cristal flutuando
    No meu sincero lutar de contra o imaginário,
    Que me faz querer ser surdo de uma palavra adúltera…

    Mas não se destila sentimentos que vão sussurrando
    E que passa pelo marcante sentir do contrário,
    Sombra que me fala com meiga voz … voz oculta..."

    Uma sombra de ouro puro, fantástica, cúmplice e terna que é a voz oculta do seu ser e sentir, em face da destilação fabulosa do chamamento de figura adúltera.
    Perfeito.
    Abraço poderoso e soberbo de amizade que o respeita imenso.
    Com admiração e consideração pela sua incrível significação numa sensibilidade gigante e extraordinária, as suas!

    pena

    ResponderEliminar
  24. UMA VOZ OCULTA...que grita no coração de quem lê!
    Vir aqui é saciar a sede de palavras e após atravessar um deserto encontrar fontes que PASSAM COMO AGUAS DE CRISTAL!
    Parabéns Poeta.

    Uma nova imagem igualmente bela.
    Um beijo de carinho.
    Nely.

    ResponderEliminar
  25. Manzas..... nao andas ha falar sozinho por acaso........é que palavras ocultas vindas de uma sombra...........e será que essa sombra é que faz ter esta inspiracäo poeta.....
    te deixo um abraco...ou melhor hoje 2 abracos
    um é para dares por mim a sombra.

    Rui

    ResponderEliminar
  26. Oi querido, lindo esse poema, essa voz oculta que fala ao nosso coração, que rasga o peito e ocupa espaços em fendas.

    Muito belo, uma semana maravilhosa pra ti.

    Besos,
    Chris

    ResponderEliminar
  27. Dói
    crescer,
    ser
    e parecer.

    O tempo
    tudo mata,
    menos a pobreza,
    quando se persiste
    nos limites,
    e a morte.



    josé heitor santiago


    Abraços poema, Manzas,

    jhs

    ResponderEliminar
  28. Vozes como esta são constantes em minha mente, muito bom o poema

    ResponderEliminar
  29. Excelente poema Manzas, gosto muito do que escreves. Obrigado pelas palavras e poemas.
    Um grande abraço aqui deste lado do Atlântico.

    ResponderEliminar
  30. Cada dia que leio os seus poemas, faz pensar o quanto a vida é bonita...
    Bj

    ResponderEliminar
  31. Um soneto belissimo! O que fala mais alto, é o que calamos...

    Um beijo pra ti

    ResponderEliminar
  32. Olá, Manzas, boa noite.
    Tão lindo, este teu poema!
    Gostei imenso.
    Fica com os Anjos.

    Beijinhos
    Mariazita

    ResponderEliminar
  33. Olá.
    Sempre belas palavras e muita inspiração.
    Tem selinho pra vc no meu blog.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  34. Sao sempre lindas as tuas palavras...
    Obg

    ResponderEliminar
  35. Ahhh voz oculta que dilacera meu coração...

    Grata pela visita, meu amigo.
    Ótima semana.
    Beijos

    ResponderEliminar
  36. Olá Pensamentos, paz !
    Cada detalhe de sua escrita associado a cada momento seu. Suas palavras são intensas e impactantes, qualquer comentário sobre, estragaria. Então, calo a voz escrital !
    Passo para agradecer novamente sua visita, e também, pegando um gancho em seu escrito no meu espaço; "Que me apraz aqui estar !"

    Ósculos e amplexos.

    ResponderEliminar
  37. Mais uma vez, excedeste as minhas expectativas!
    Mais um poema delicioso e que sabe tão bem ler. Espero pela tua visita que tanto me agrada. Beijos da sté e uma boa semana.

    ResponderEliminar
  38. Olá, Manzas!!!
    Lindas as tuas palavras...
    Estou passando pra te deixar um super abraço e lhe desejar uma semana maravilhosa ...
    Angela

    ResponderEliminar
  39. "Sombra que me fala com meiga voz… voz oculta"

    Esas voces ocultas son las que te hacen escribir estos versos que calan el alma y el corazón.
    ¡Bellísimo, amigo!
    Besos.

    ResponderEliminar
  40. A foto (a tua foto) está bem maquetizada; a antrada do blogue está imageticamente apelativa e, o pensamento citado, assenta-te como uma luva...

    Aquele abraço

    ResponderEliminar
  41. Será que as vozes não são de nós mesmos?! Belo poema! Abraço

    ResponderEliminar
  42. Tens escrito poemas super elaborados, inteligentes, fazem refletir...
    um abraço e boa semana

    ResponderEliminar
  43. Vozes ocultas, que sempre nos acorda pra vida!
    Vozes que nos tras todas as lembranças e sentimentos que guardamos dentro do peito!

    Lindo, Manzas!


    Beijos e carinhos!

    ResponderEliminar
  44. Voz q fala o imaginário apelo do coração...belíssimo.

    bjos!

    ResponderEliminar
  45. Hoje vim só apreciar um pouco teu espaço, sempre com belos poemas e, principalmente, agradecer tuas visitas e palavras de incentivo sempre.
    um abraço e ótima semana

    ResponderEliminar
  46. Olá, adorei conhecer teu abençoado blog...Suas postagens são maravilhosas.
    Palavras repletas de sabedoria e entendimentos...Parabéns e aplausos!
    As boas palavras permitem abrir o universo interior que antes sentia apenas saudade da razão de não ser as verdadeiras palavras pra meditar...
    Deus abençoe você infinitamente.
    beijos no coração.
    Com ternura,

    CelyLua.

    ResponderEliminar
  47. Aqui é parada obrigatória, para reabastecer a alma de coisas belas.
    Sussurros direto no coração.
    Bjs

    ResponderEliminar
  48. Manzas

    Ler esse poema foi como deitar-se em um lençol de águas cristalinas que envolvem nosso alma e nosso coração.

    beijos

    ResponderEliminar
  49. "a voz oculta"...quase sempre é a nossa "outra" voz
    beijos

    ResponderEliminar
  50. Suave poesia feito lago q dorme ao fim do dia...
    Belo blog e bela imagem.

    Convido vc a conhecer o meu Avesso para quem sabe trocarmos pensamentos e referencias...

    Abraços

    Maria Dias

    ResponderEliminar
  51. *
    oculto
    as mãos
    nos poros da areia
    da voz do teu corpo,
    ,
    parabéns pelo post,
    ,
    um abraço,
    ,
    *

    ResponderEliminar
  52. De facto ficamos presos nestas palavras, carregadas de emoção e sentido

    um abraço

    ResponderEliminar
  53. E em "voz oculta" aplaudo a tua voz e as tuas mãos poéticas nesta transparência cristalina de palavras e sentires, às vezes em contradição.

    Retribuo aquele abraço.

    MV

    ResponderEliminar
  54. Sou apenas mais uma voz no meio da multidão que por aqui circula.
    Mas uma voz que lhe deseja a paz necessária para que possas ouvir atentamente o seu coração.
    Somente ele saberá fazê-lo decidir por qual caminho seguir, por mais contraditório que ele seja.
    Gostar de um lindo anjo é ouvir a voz do meu coração, mesmo que as vezes eu tente não mais ouvi-la.

    ResponderEliminar
  55. nessapoesiafiu pegopor uma sintonia incrivel....kuase q fufllminante....cheia de encanto e maiga...

    d++

    vlw

    http://lg7fortalezace.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  56. Hoje parei para pensar...para lançar um olhar de perto pelo mundo encantado das letras e das formas que estas assumem!
    Vir aqui fez-me reflectir!

    Beijinho terno, homem da arte da escrita!

    ResponderEliminar
  57. QUERIDO MANZAS... SUBLIME SONETO... PALAVRAS ÍMTIMAS, PALAVRAS DO OUTRO EU... QUE ESTÁ LÁ MUITO NO FUNDO... NÃO AS DEIXES SUBIR MEU AMIGO... NÃO ESTEIJAS TRISTINHO... ÁS VEZES NEM NOA APERCEBEMOS QUE ISSO ACONTECE... UM GRANDE ABRAÇO DE MUITA AMIZADE DO CORAÇÃO...
    FERNANDINHA

    ResponderEliminar
  58. Manzas

    Voz oculta... a que vem do coração
    e num murmúrio abraça o mundo...
    A que diz da dor e fala da emoção
    e se espalha num clamor profundo!

    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  59. Obrigado pelo lindo poema
    Saudações amigas

    ResponderEliminar
  60. Gracias, hermano, por tan lindo blog..... enhorabuena por tu sensibilidad

    Paz

    pacobailacoach.blogspot.com

    ResponderEliminar

Um pensamento, uma reflexão,
um comentário …
Caloroso abraço de sua opinião
com sorriso de entusiasmo
de eterna Gratidão…